TODO DIA ...É 1 TEXTO NOVO!!!

31 de ago de 2009

O SOM QUE GOSTO...

O VINIL CORTOU O CÉU E AS NUVENS, TÃO IRREMEDIAVELMENTE ,QUE NEM AS LINHAS DE AÇO PODERIAM COSTURA-LAS COMO ERAM ANTES , EU VI TUDO DO ALTO DA CIDADE MK2...
UM DJ FOI ELEITO , E COM SUA MIXAGEM SECRETA , REGULOU O PITCH NUM MANTRA MÍSTICO, PRA COLOCAR A ÚNICA MÚSICA QUE PODERIA ABRIR OS PORTÕES DO IMPÉRIO LACRADO...
OS TWITEERS GRITARAM E OS AUTO-FALANTES-PENSANTES INDICARAM PELA SUA APREENSÃO QUE AS COISAS NÃO SÃO MAIS COMO ERA NO TEMPO DO REINO DO GRAMOPHONE...
33 OU 45 ? QUAL É A SUA? BASS IS THE NAME ...
E O SOM QUE SAIU DA TECHNICS FOI TÃO ALTO QUE ATÉ O MAIS MUDO DOS MUDOS MUDOU TUDO PARA OUVIR O CHIADO DO VINIL...


Ontem eu fui lá no baú, e me impressionei com uma coisa que vi lá ...
Um grupo de mais de 20 djs , de Vitória , Espírito Santo , que vieram de busão, visitar o povo da BF...
Além da presença de todos ,teve um moleque de 10 anos mixando , melhor que muito marmanjo...

Todo segundo domingo do mês, os amantes do disco de vinil se encontram no bairro de Heliópolis, Belford Roxo , RJ , para participar do evento “Baú do Vinil”, que busca resgatar a cultura dos LPs na Baixada Fluminense. O ponto de encontro dessa turma fica na Rua João Alves Faria, próximo do clube Heliópolis, onde há oito anos acontece essa festa que reúne Djs e pessoas interessadas em dançar e ouvir um som.

O evento, que acontece na rua, simboliza o resgate de uma cultura que ficou esquecida por muitos, mas que ainda se mantêm viva através de um grupo de apaixonados pelas “bolachas gigantes” como: “DJ Rolha”,Denílson “Cascata”, Edson “DJ Cabeça”, Marcelo “Gordo” e outros idealizadores do encontro.

“Muita gente acha que o LP morreu, poucos sabem que o RAP internacional de hoje e outros gêneros ainda são feitos em vinil”, diz Cabeça.



ESSE É UM EXTRA DE UM FILME QUE FIZ (ANTICINEMA)...

30 de ago de 2009

MINHA POESIA É ASSIM....

O AVESTRUZ CORREU DESESPERADO PELO PÁTIO DO COLÉGIO INTERDITADO
AS COISAS QUE ESTAVAM EM CIMA DELE DESPENCARAM NO POBRE COITADO
E TUDO QUE EXISTIA DE AZUL ACIMA DE SUA CABEÇATRIANGULO ESCORREU
FEITO MERCÚRIO CROMO DESTAMPADO POR ALGUÉM QUE DA DOR SE ESQUECEU
O GIGANTESCO EMPLUMADO PERCEBEU QUE ESTAVA SOZINHO NO MUNDO AZUL
E DEPOIS TRAGAR UMA ERVA VERDE SE TRANSFORMOU NUM CRUEL PIT BULL
E COMEÇOU A DEVORAR AS DORES DO MUNDO AZULADO E TODAS AS ALEGRIAS
UM NOVO PACTO FOI SELADO ENTRE A AVE E OS MANDATÁRIOS DA FANTASIA
ONDE HOUVER AZUL QUE SE REESTABELEÇA A ORDEM NATURAL ENCARNADA RUBI
NÓS ESTAMOS AQUI HÁ MAIS TEMPO DO QUE A TRISTE SEREIA E O ALEGRE SACI
VIVA A AVE EM CRUZ QUE SORRI E QUE ENVOLVE MUNDO NA SUA PLUMA TRISTE
AGORA SEI QUE NESSE PLANO NÃO ESTOU SOZINHO , A POESIA AINDA EXISTE



O AVESTRUZ PODE SER TANTAS COISAS OU PESSOAS...



A ERVA VERDE INGERIDA PELA AVE É NA VERDADE O ESPINAFRE DO POPEYE, COM ALGUNS ADITIVADOS SECRETOS...



O PIT BULL , QUE NA VERDADE ERA PIT BOY (MAS NÃO IRIA RIMAR) VIROU BISPO DE UMA TELEVISÃO BEM FAMOSA ENTRE OS CAMUNDONGOS...




A SEREIA FEZ UMA CIRURGIA PLÁSTICA COM O NETO DO PITANGUY E VIROU A CLONE DA CAMILA PITANGA...



O SACI FOI INTERNADO NUMA CLÍNICA DE DEPENDENTES EM CAHIMBOS FEDORENTOS NO INTERIOR DE SÃO JOÃO DE MENTIRINHA ...



A POESIA É ESSA LINDA AI QUE ARREBATOU MEU CORAÇÃO VERMELHO COR DE RUBI...
>

29 de ago de 2009

Apenas um pensamento

Saber que as tribulações são momentâneas enquanto a glória será eterna é maravilhoso...
perdoar torna-se algo palpável, o que enobrece minha pequena existência...
enquanto o vapor da espera, com suas gotículas de lentidão, me envolve, ouço ao longe a voz de Billie Jean...

NÃO CONSIGO DORMIR...

Hoje estou bem mais calmo e e especialmente calmo agora...
Ontem minha bela Psique riu de algo que eu disse no supermercado e toda a via-lactea mudou , pelo menos na minha perspectiva...

Aproveitando o ensejo, vimos a exposição ‘Desenho em Risco’ de Maria Leontina lá no centro cultural da caixa , que nunca tinha ido , confesso...

O que vi, foi muito mais que riscos , esboços , estudos , blocos de anotações , cadernos de artistas e obras acabadas assinadas.


Maria Leontina (*SP 1917 – + RJ 1984)

Ela foi precursora da geometria sensível, da harmonia entre expressão e construção, elaborando transições moventes e brilhantes entre razão e emoção. Dos anos 60 até 1984, a artista prossegue na abstração, buscando o invisível através do visível.”

Ainda no mesmo centro cultural , num relance e fuga dos olhos de minha amada me mergulhei na exposição,Dress Tent!!!!!!!!!!!

Uma exposição bem interessante. A “Dress Tents” traz o trabalho das americanas Robin Lasser e Adrienne Pao que funde vestuário, arquitetura e fotografia. Elas desenvolvem vestidos-tendas, como o próprio nome da mostra sugere, e tiram foto deles em meio a paisagens.


A expô já passou pela Argentina e China e fica até 06/09 no Rio. Vale visitar!

Achei bem louco , mas uma pequena alusão as coisas bélicas do nosso mundinho azulado , já deu uma estragada na minha retina , definitivamente não acho legal a assossiação de arte e guerra ,não que exista algo errado com coisas assim, eu mesmo sou um fã das poesias que falam da guerra, mas por que a tématica guerra sempre deve ter umamensagem tão ...sei lá... Por que não existe um personagem como o impotente Wladyslaw Szpilman no filme O Pianista: (famoso pianista judeu polonês,Szpilman, vê sua família ser deportada em 1942,ele consegue salvar-se, por puro acaso, do comboio da morte,um policial, músico também, o arranca do vagão)um artista tentando sobreviver em um mundo que de repente virou de pernas pro ar?

Ou como Guido Orefice nos anos 30, antes do início da 2ª Guerra Mundial, quando a Itália promulga as leis raciais, Guido Orefice, um modesto e despreocupado contabilista judeu, faz de tudo para seduzir a bela Dora, uma jovem comprometida com um burocrata fascista.

No dia em que ela deve se casar, durante uma recepção no Grande Hotel d'Arezzo, na Toscana, Guido chega de surpresa, montado a cavalo, e rapta sua amada. Os dois, apaixonados, decidem se casar. Desta união, nasce o pequeno Gisué Orefice. Quando o garotinho completa cinco anos, em 1943, surgem dois policiais para prender Guido e seu filho. Ambos devem seguir para um campo de concentração nazista. Dora, embora não seja judia, decide acompanhá-los.

No momento de subirem ao trem que os conduzirá ao campo de concentração, Guido tem uma idéia: Fazer com que seu filho creia que tudo não passa de "um grande jogo", no qual os nazistas são apenas funcionários encarregados de "fazer respeitar as leis". Por outro lado, Dora é separada de seu marido e de seu filho, já que as mulheres não podem ficar juntas com os homens.

Uma vez no campo de concentração, com relação ao "grande jogo", Guido diz a Giosuè que, para ganhá-lo, é preciso fazer 1000 pontos e, para isso, as jogadas mais importantes são manter-se calado e escondido o tempo todo. O ganhador levará um belo tanque de guerra para casa.

Para conseguir manter essa fantasia do garoto, Guido vê-se obrigado a enfrentar muitas e difíceis situações. Finalmente, quando o exército americano chega para libertar os prisioneiros, um tanque de guerra surge e, para todos os efeitos, o jogo foi ganho por eles e o tanque é o prêmio prometido.

Violência gratuita ou a imagem que a representa é como Wagner tocado por 18 horas com os graves ligados no máximo. É como cereal de chocolate em leite achocolatado com respingos de chocolate e bombons de chocolate no topo. [...] É exagerado. É tanto da mesma coisa que se torna desagradável!!!

O inferno está perto de nós, é verdade. Mas há saída, sim. Basta olhar de perto e sentir o sopro de humanidade que vibra sob a máscara dos monstros. Nós não gostaríamos que este post ou esse blog fosse considerado um post ou um blog sobre ou contra o crime e a violência, melancólico e bonito como flores na sepultura. Desejamos que ele seja lido e usado como uma ferramenta cheia de vida a serviço da construção das saídas”. Fica aqui a indicação.


E fica aqui também um vídeo do Wu Tang Clan e do grande Isaac Hayes , juntos , que fala tudo o que eu quero dizer , ou disse , de forma muito mais bonita e profissional , assim como eles , ás vezes eu não consigo dormir...

28 de ago de 2009

barulho...

Recordações nostálgicas conduziram-me àquele barulho maravilhoso. Quantos caminhos: um labirinto. Mas não havia sombras, nem temores; apenas rumores, vozes que por conta da distância erigida pelo tempo chegavam como barulhentos sussurros. Apurei os ouvidos, divisei os sons, deixei-me guiar pelo doce barulho que o vento trazia.
Escolhi um entre os coloridos caminhos de sons e sonhos. Penetrei profundamente. Pois a curiosidade consumia meu ser. Era crucial descobrir de onde vinha e o que era aquele Barulho.
O barulho era demais ...
Muitas vozes , muitas agonias...
O som do que se ouve é amplificado por um amplificador de sangue e carne muscular...
O barulho invade lentamente cada poro , transformando quimicamente cada segundo em uma eternidade...
Tentei tampar os ouvidos , metamorfoseando meus dedos em tampax , mas ,não funcionou...

Barulho divino...
Quase que não escuto minha voz interior fazendo um freestyle na chuva de meteoros que caía dos meus olhos ...
Quase não escuto as vozes dos meus sentimentos libertos feito escravos em dia de festa na senzala...
O barulho nos torna iguais...
Pois , no barulho , não escutamos o quanto somos egoístas...

27 de ago de 2009

Mesmo depois

Teu sussurro emudece o pensamento de palavras ausentes e, como brisa em minha alma sopra a ventania de razões mais eloquentes.
Antes que salientes a confusão do meu ser, rogo-te que deixes fluir meu enlouquecer,
pois a loucura, deves saber, é tão importante quanto o querer
por isso, quero-te até que o infinito apague a luz do amanhecer ou mesmo depois disso...

AMAR DÓI...

AMAR DÓI...
DEPOIS DE MESES PENSANDO NESSE ASSUNTO SEM PARAR PRA RESPIRAR CHEGUEI A ESSA CONCLUSÃO...E A GENTE GOSTA QUANDO DÓI...POR QUE SENÃO , PARARÍAMOS DE TENTAR AMAR , PRA QUE NÃO DOESSE...
AMAR DÓI...
Com a maioria das pessoas, acredito eu, isso acontece diversas vezes, mas até hoje ninguém descobriu a fórmula mágica pra anestesiar essa dor que em mim ser híbrido conhecido por Slow , dói de maneira diferente de diversas dores do mundo.
AMAR DÓI...
Amar é bom, muito bom, mas também faz sofrer demais. Tem todas as decepções que nos deixam arrasados, muitas vezes deprimidos e até no fundo do poço. Porém, quase sempre nos reerguemos e passamos por tudo outra vez. caindo e levantando, pra depois cair novamente, ou não… estou falando besteira????
AMAR DÓI...
Mas a questão é: Se amar é bom, por que dói tanto? milhsres de pessoas se debruçam nos milhares de livros e blogs para tentar explicar essa questão emblematica...
AMAR DÓI...
Não se se um dia vai ter explicação pra essa questão, mas apesar disso, as pessoas continuam se arriscando, continuam amando…
AMAR DÓI...
Pois o que seria do mundo ou de nós sem amor?
AMAR DÓI...
Talvez...revolta amarga da doce ternura do teu olhar patética solidão provocada pela saudade da tua companhia
AMAR DÓI...
Entristece, alegra, ridiculariza, eleva, mói espasmos de violência preenchida com a beleza da agonia poeta, pessoal, mal formado, mal acabado faca que fere, corta o coração com simpatia sorriso do ódio que me consome despertar do amor que não dorme
AMAR DÓI...
Um dia, alguém me disse que o amor para ser amor tinha que doer, não acreditei muito nisso não, mas hoje, percebo que é verdade.
Amar é morrer a cada dia para as nossas vontades, é buscar sempre o último lugar, é querer antes a felicidade do outro que a nossa.
AMAR DÓI...
O verdadeiro amor é gratuito, não pede nada em troca, é silencioso, discreto e exigente. Alguns dizem que o amor é um verbo; outros que é um sentimento; uns que é uma decisão, mas o que mais me chamou a atenção foi ouvir que ele é um comportamento, pois se alguém nos magoa ou nos decepciona devemos continuar amando, pois o amor dentro de nós deve ser maior que qualquer frustração.

AMAR DÓI...MAS NÃO MATA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

26 de ago de 2009

nem tudo é tão belo...

Hoje é dia de Mate com Angú em Caxias...

Ontem teve lançamento da sala de cinema do sesc de São João de mentirinha...
Estive lá participando de um debate sobre o cinema e o cineclubismo e batendo um papo com as pessoas lá presentes...

Mas , nem tudo é tão belo deste lado do tratado de tordesilhas...

E sempre pareçe que a mesma coisa se repete ...


“Nenhuma sociedade pode ser florescente e feliz, se a grande maioria de seus membros forem pobres e miseráveis.” - Adam Smith

São Paulo está muito frio , média de 13 14 graus toda noite , e as pessoas que invadirão o terreno da tal empresa de transporte , estão dormindo na rua com crianças com uma única peça de roupa , nesse frio medonho...
São Brasileiros como nós , que estão no frio , sem o seu barraco e sem nenhum conforto , físico ou moral ...

Na área de 14 quilômetros quadrados do Capão Redondo vivem, aproximadamente, 250 mil pessoas. Os arranha- céus não fazem parte do cenário desse pedaço de São Paulo, onde prevalecem as casas simples de alvenaria, a maioria construída em áreas invadidas. A água e a luz são conseguidas, quase sempre, com gambiarras e "gatos", um risco permanente de incêndios.

O asfalto é privilégio de algumas vias e, mesmo nelas, os buracos dificultam o tráfego. Nas ruelas de terra batida, é forte o cheiro de esgoto, que corre a céu aberto, à espera de canalização.

O Banco de Desenvolvimento Asiático declarou que a “Ásia pode erradicar a pobreza em 25 anos”. O banco recomendou o crescimento econômico como meio para tirar o povo das profundezas da miséria.

E o Brasil? Em quantos anos pode erradicar a pobreza? Isso muito depende de como se entende em "erradicar a pobreza"! Só se for exterminando os pobres de uma vez, se erradica a pobreza por aqui, por que fazer medidas de 'erradicação' está fora de cogitação!


Entre os moradores que trabalham, 56% recebem até três salários minímos por mês. Entre jovens de 14 a 24 anos, que representam 60% da população, muitos não conseguem emprego e acabam empurrados para atividades ilegais, como o tráfico. Seus mortos, o bairro enterra no Cemitério Jardim São Luiz, o mais próximo da região, onde são realizados, em média, 25 sepultamentos por dia.



E a merda da polícia , a merda da justiça e a merda do governo ainda ordena que a retirada dessas pessoas seja a base de cacetete , tiro de borracha , bomba , porrada e tudo o mais ...

SÓ MESMO A ESPERANÇA MANTEM MINHA MENTE EM PAZ...

25 de ago de 2009

TEXTO ESTRANHO...

PARTE 1

HERMETICAMENTE(1) CONTROLO O FLOW(2) EM TUBOS DE ENSAIO/
CIENTISTAS DANÇANDO BREAK(3) , RIMAS CRUZAM O TETO COMO UM RAIO/
NÃO CAIO EM ARMADILHAS DAS QUADRILHAS EMPRESARIAIS/
SIGO NA TRILHA COM MINHA PRETA MULHER MARAVILHA NA PAZ/
NÃO SE INTROMETA NO QUE FAZ AS NAVALHAS DE ARIGÓ(4)/
MINHA TROMBETA REFAZ AS MURALHAS DE JERICÓ(5)/
SOU TIPO O DOUTOR FRITZ(6) , DJ OPERANDO O MIX(7), SEM RECEIO/
SEM PAPO DE SIX SIX SIX SÓ JESUS NO CRUCIFIX EU CREIO/
TO MAIS RESISTENTE QUE TENIS DA QUIX(8) NO GUARD-RAIL(9)/
TO MAIS POTENTE QUE SOUL GRAND PRIX(10) OU TRUCK DA CRAIL(11)/
A VIDA NÃO É SÓ O MUQUE, ISSO É TRUQUE , EFEITO MATRIX/
NÃO USO DROGA , NEM TOGA ,USO A POÇÃO MÁGICA DO ASTERIX(12)/
O VELHO BONÉ DE LADO, O GRAVE NO AUTO-FALANTE/
O TENIS SUJO E ZOADO, TO GRAVE , VELHO E PENSANTE/
O INSTANTE GRAVADO NO SHOW, O FLOW MANDADO NO FREE(13)/
O INCESSANTE RECADO QUE DOU , SLOW REAL M.C/

PARTE 2

O FLOW É HÍDRICO , CÍTRICO , LEVE COMO LÚPULO(14) E CENTEIO(15)/
SOU UM DUPLO ANAKIM(16) COM UMA TAURUS(17) SEM FREIO/
COM NANQUIM(18) E PENA DINOSSAUROS DESNORTEIO/
UMA SHURIKEN(19) APENAS , ICEBERGS INCENDEIO/
EXPLODO OS ELETRODOMESTICOS QUE ELETRONICAMENTE DOMESTICAM AS MENTES/
VIOLENTAMENTE PULVERIZAM A GENTE/
NO BEAT(20) DO BROA(21) SIGO NO FLUXO BRUXO COMPETENTE/
O TOM NÃO DESTOA ESTILO ESDRÚXULO SLOW PRIMEIRO TENENTE/
SOU TIPO PULP FICTION(22) KILL BILL(23) SLOW IGUAL VOÇE NUNCA VIU/
TIPO NON PHIXION(24) ILL BILL(25) SÓ LEVO METÁFORAS NO CANTIL/

1-hermeticamente = Completamente fechado (de modo que nem o ar possa entrar, nem o fumo ou vapor sair).

2-flow = jeito de cantar o rap

3-break = dança que faz parte do movimento hiphop

4-arigó = Desenvolveu suas atividades paranormais em Congonhas durante cerca de vinte anos, tornando nacional e internacionalmente conhecidas as cirurgias e curas realizadas com navalhas por intermédio de sua faculdade mediúnica, pela entidade (espírito) que se denominava como Dr. Fritz, um médico alemão falecido em 1918, durante a Primeira Guerra Mundial.

5-muralhas de jericó = Na Bíblia, no Antigo Testamento, no livro de Josué 5:13-6:27, é relatado que após os israelitas atravessarem o rio Jordão, cercaram a cidade por 7 dias, e as muralhas foram desmoronadas com a ajuda divina(som de trombeta) e então a cidade foi invadida e totalmente destruida, sob a liderança de Josué.

6-dr fritz = é a denominação de uma entidade espiritual que, segundo crença religiosa, incorporaria médiuns para efetuar tratamentos espirituais.

7-mix= aparelho usado pelos djs para seu trabalho com os vinis e cds

8-quix = marca de tenis feita para skatistas

9-guard rail = é uma proteção que geralmente aparece nas margens de pistas de automobilismo

10-soul grand prix = antiga equipe de som do Rio de Janeiro

11-truck da crail = São os eixos do skate, a parte onde se encaixam as rodas, os rolamentos e o amortecedor que ameniza os impactos de um pulo e crail é uma marca que fabrica esses equipamentos.

12-asterix = asterix é um guerreiro gaulês, que no ano 50 A.C. vive numa aldeia da Armórica que resiste bravamente á ocupação de Júlio César e o Império Romano e seu povo faz uma poção magica que proporciona super força

13-free = abreviação de freestyle , que é o improviso no rap

14-lupulo = O lúpulo é tradicionalmente usado, junto com o malte, a cevada e o levedo, na fabricação de cerveja.

15-centeio =é uma gramínea cultivada em grande escala para colheita de grãos e forragem. Tem parentesco com o trigo e a cevada. O grão de centeio é utilizado para fazer farinha, ração, cerveja, alguns tipos de whisky e grande parte das vodcas.

16-anakim = personagem da hexalogia de filmes, Star Wars (Guerra nas Estrelas)

17-taurus = A Forjas Taurus S.A. é uma empresa industrial brasileira, fabricante de armas de fogo

18-nanquim = é um material corante (tinta) preta, que veio originalmente da China, preparada com negro-de-fumo (pó-de-sapato) coloidal e empregada especialmente para desenhos e aquarelas

19-shuriken = é a lâmina que se atira. São chamadas assim todas as armas de arremesso e está entre as 18 disciplinas do Ninjutsu, no Shuriken Jutsu. São divididas em: Bo Shuriken e Hira Shuriken, onde são classificadas de acordo com o grupo, número de pontas e formato.
Significa, "lâmina atrás da mão" ou "lâmina oculta na mão".

20-beat = batida eletronica usada pra cantar rap

21-broa = produtor e beat maker da zona norte do rio de janeiro

22-pulp fiction = filme de quentin Tarantino

23-kill bill = outro filme de tarantino

24-non phixion = grupo de rap norte americano

25-ill bill = líder da banda non phixion

24 de ago de 2009

luz e sombra

QUAL POESIA ESPERA PRA SER LIBERTA?
COMO POSSO LIBERTAR A POESIA?
POESIA PODE ESTAR/SER PRESA?
COMO SOMOS SERES FINITOS , TEMOS MEDO DE NÃO SABERMOS AS RESPOSTAS DAS PERGUNTAS QUE TEMOS...
COMO SABEMOS QUE SOMOS FINITOS NEM SEMPRE TENTAMOS DEIXAR UM LEGADO INFINITO E MESMO SABENDO DISSO NÃO NOS TOCAMOS QUE FOI E É PRECISO DEIXAR UM LEGADO INFINITO...
A POESIA É INFINITA?
A POESIA PODE SER UM LEGADO?
PARA MIM A POESIA É MAIS DO QUE MUITOS CONSEGUEM VER ...POR EXEMPLO :
PARA MIM ESSE CARA É UM POETA ...

Frank Miller...


LI ALGO QUE ELE DISSE E ADOREI:
"Minha juventude foi bem maçante... eu comecei de uma maneira bem americana, roubando. Roubei idéias de HQs, de desenhos, de tudo o que me caía na frente. Mas aí fui mudando e percebendo que as histórias estão à nossa volta. De qualquer forma, hoje não creio que tenha que procurar histórias pra contar, mas sim manter-me compulsivamente atento a elas, conforme elas se apresentam."

Frank Miller nasceu em Olmie, Maryland (EUA), em 27 de janeiro de 1957, e começou a desenhar ainda muito jovem, colaborando para vários fanzines.

Seus primeiros trabalhos foram publicados (mas não creditados) na revista Twilight Zone, da extinta editora Gold Key.


FEZ:

Daredevil (Demolidor)


Elektra


Desenhou a mini-série Wolverine, escrita por Chris Claremont.


Ronin


Batman - O Cavaleiro das Trevas


Em 1990 ele escreveu para a Dark Horse Comics as séries Hard Boiled


Liberdade, com arte de Dave Gibbons.


Miller escreveu e desenhou : Sin City – A Cidade do Pecado


Big Guy and Rusty the Boy Robot


300 de Esparta


Em 2005 ele dirigiu ao lado de Robert Rodriguez o filme Sin City: A Cidade do Pecado, considerado uma das melhores e mais fiéis adaptações de uma história em quadrinhos para o cinema."

Um verdadeiro mestre na arte de luz e sombra

Miller já recebeu vários prêmios dos quadrinhos e segue hoje como uma referência para desenhistas e roteiristas e para mim é um poeta e deixa um legado infinito no meu coração , mesmo quando o papel não mais resista a ação do tempo...
E SE ALGUÉM ACHOU QUE ESSES EXEMPLOS SÃO POUCOS...SEGUE A LISTA ...


Aargh
Adventures of Superboy
All Star Batman and Robin the Boy Wonder
Amazing Heroes
Amazing Spiderman
The American
Anything Goes
Archer and Armstrong
Arena
AutoBiographix
The Avengers

Babe Wore Red and Other Stories
Bad Boy
Batman
Batman: Black and White
The Batman Gallery
Batman Legends of the Dark Knight
Batman: The Dark Knight Returns
Batman: Odyssey
Batman and The Outsiders
Big Fat Kill
Big Guy and Rusty the Boy Robot
Bizarre Adventures
Booze, Broads and Bullets
Bone
100 Bullets


Captain America
The Cat
Christmas With The Super-Heroes
Comics Feature
Comics Journal
Complete Frank Miller Batman
Savage Sword of Conan
Complete Frank Miller Spiderman


Daredevil
Daredevil The Man Without Fear
Daredevil: The Marvel Comics Index
The Daredevil Chronicles
Daredevil Visionaries
Dark Horse Maverick
Dark Horse Presents
Dark Knight Returns
DC Spotlight
Death Rattle
A Decade of Dark Horse
Destroyer Duck
DK2 - The Dark Knight Strikes Again
Doctor Strange
Tomb of Dracula

Elektra Lives Again
Elektra Saga
Elektra Assassin: The Lost Years
The Escapists
Eternal Warrior


Family Values
Fanboy
Fantastic Four
Feature
Free Speeches
Marvel Fanfare
Overstreet's Fan
Frank Miller, A Work in Progress
Free Comic Book Day Comic
Frank Miller Robocop
Frank Miller Sketchbook


GI Joe
Give Me Liberty
Gravitys Rainbow
Great Comic Artist File: Frank Miller, A Work in Progress
Green Lantern Superman: Legend of the Green Flame


Happy Birthday Martha Washington
Happy Endings
Harbinger
Hard Boiled
Heavy Metal
Hell and Back: A Sin City Love Story
Hero Illustrated
Heroes
Heroes For Hope

Images of Omaha
The Incredible Hulk


The Jack Kirby Collector
John Carter Warlord of Mars First work at Marvel
Just Another Saturday Night


Kane


Lone Wolf and Cub


Machine Man
Madman
Mad Magazine
Magnus Robot Fighter
The Man Without Fear, Daredevil
Marvel Comics Super Special: Meteor
Martha Washington Dies
Martha Washington Goes To War
Martha Washington Saves The World
Martha Washington Stranded in Space
Happy Birthday Martha Washington
Martha Washington Give Me Liberty
Marvel Cover Collection Portfolio
Marvel Fanfare
Marvel Premiere
Marvel Spotlight
Marvel Super Heroes
Marvel Team Up
Marvel Two In One
The Official Handbook of the Marvel Universe
'Mazing Man
Medal of Honor
Mefisto In Onyx
The Micronauts
Mickey Spillane's Mike Danger
Monkeyman and O'Brien
Moon Knight
Movies & Videos
Ms Tree's Thrilling Detective Adventures


9-11 Artists Respond
Nest Magazine
New Teen Titans
Next Men

The Official Handbook of the Marvel Universe
Images of Omaha
100 Bullets
Orion
Out of the Vortex
Overstreet's Fan


Peter Parker, The Spectacular Spider Man First Daredevil work.
Pretty Girl Sketchbook
Marvel Premiere
Powerman and Iron Fist
Prophet


RAI
Robocop vs. Terminator
Frank Miller Robocop
ROM
Ronin


San Diego Comic Con
Satan's Six
Savage Dragon
Savage Sword of Conan
The Sensational She-Hulk
The Sensational Spider-man
Shadowman
Sin City: Booze, Broads and Bullets
Sin City: A Dame To Kill For
Sin City: Family Values
Sin City: Hell and Back
Sin City: Just Another Saturday Night
Sin City: Silent Night
Sin City: That Yellow Bastard
Sin City: The Babe Wore Red and other stories
Sin City: The Big Fat Kill
Solar: Man of the Atom
Marvel Spotlight
Spawn
Spawn Batman
Amazing Spiderman
The Spectacular Spider Man First Daredevil work.
Spider-man and Daredevil
Complete Frank Miller Spiderman
Spider-Woman
The Spirit
Spirit Jam
Spirit Magazine Takes you to Spirit Jam
StarSlammers
Star Trek
Star Wars
Doctor Strange
Stip Aids USA
Adventures of Superboy
Supergirl
Superman
Green Lantern Superman: Legend of the Green Flame
The Superman Gallery
Superman and Batman: World's Funnest
Superman: The Secret Years
Super Star Holiday Special First Batman work


300
Tales to Offend
That Yellow Bastard
Tomb of Dracula
The Twilight Zone First ever comic book work.


Unknown Soldier
Unity
Usagi Yojimbo


Movies & Videos
Visions


Weird War Tales First work at DC
What if
Whiteout
Wizard
Wolverine
Wonder Woman
A Work in Progress, Frank Miller
World's Finest


X-Men
X-O Manowar


Zorro

23 de ago de 2009

Por completo

Mesmo sem ver as letras do teclado ou sem saber o que Alice faz quando não está no país das maravilhas, mesmo com a dor da ausência ... te amo por completo e não vivo mais sem você.

meu amor

MEU AMOR AUMENTA A CADA DIA PELA BELA PSIQUÉ A.K.A PATRICIA...
ONDE ISSO VAI PARAR??

O ALTAR É POUCO (APESAR DE SER MUITO)...
QUERO MAIS ...

QUERO E MEREÇO SER FELIZ ...
ESTOU SENDO E VOU CONTINUAR SENDO MUITO FELIZ AO LADO DA BELA PSIQUÉ...


“Sua alma rola e pede : me ama Luiz , eu faço do pedido uma ordem e realizo...
Um gole dessa taça que servida em Caxias é mais doçe...
Um pouco do teu sabor fica comigo até nas lans...
Gosto de vinho ou café é tua boca que está me redefinindo os conceitos...

Sensualidade no singelo pedido que te atendo para mim é um prazer
Ela dizendo coisas: Me ama Luiz...
Lançando através do olhar: Me ama Luiz...
“Eros venha, vem me amar”

E ela já foi abduzida pelos meus raps ouvidos nos fones ruins ...
Seus sentidos distantes me trazem mais pra perto através de verdades ditas as 2 da manhã...
Alma ébria e perdida que me achou e que me fez achar quando não mais procurava...

És minha deusa , meu mundo e pra sempre será...
Luiz e a luz a embriagou com seu amor
Quando te tomei em meus braços naquele teatro
Para aquecê-la com o meu calor



Eros e Psiquê
Eu assim e você
Eu te amo”
MUITOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

22 de ago de 2009

pra começar bem o dia!

ESCRITO POR REGINA BRETT, 90 ANOS, CLEAVELAND, OHIO.

1. A vida não é justa, mas ainda é boa.
2. Quando estiver em dúvida, apenas dê o próximo pequeno passo.
3. A vida é muito curta para perdermos tempo odiando alguém
4. Seu trabalho não vai cuidar de você quando você adoecer. Seus amigos e seus pais vão. Mantenha contato.
5. Pague suas faturas de cartão de crédito todo mês
6. Você não tem que vencer todo argumento. Concorde para discordar.
7. Chore com alguém. É mais curador do que chorar sozinho.
8. Está tudo bem em ficar bravo com Deus. Ele agüenta.
9. Poupe para aposentadoria começando com seu primeiro salário.
10. Quando se trata de chocolate, resistência é em vão.
11. Sele a paz com seu passado para que ele não estrague seu presente.
12. Está tudo bem em seus filhos te verem chorar.
13. Não compare sua vida com a dos outros. Você não tem idéia do que se trata a jornada deles.
14. Se um relacionamento tem que ser um segredo, você não deveria estar nele.
15 Tudo pode mudar num piscar de olhos; mas não se preocupe, Deus nunca pisca.
16. Respire bem fundo. Isso acalma a mente.
17. Se desfaça de tudo que não é útil, bonito e prazeroso.
18. O que não te mata, realmente te torna mais forte.
19. Nunca é tarde demais para se ter uma infância feliz. Mas a segunda só depende de você e mais ninguém.
20. Quando se trata de ir atrás do que você ama na vida, não aceite não como resposta.
21. Acenda velas, coloque os lençóis bonitos, use a lingerie elegante. Não guarde para uma ocasião especial. Hoje é especial.
22. Prepare-se bastante, depois deixe-se levar pela maré..
23. Seja excêntrico agora, não espere ficar velho para usar roxo.
24. O órgão sexual mais importante é o cérebro.
25. Ninguém é responsável pela sua felicidade além de você.
26. Encare cada "chamado" desastre com essas palavras: Em cinco anos, vai importar?
27. Sempre escolha a vida
28. Perdoe tudo de todos.
29. O que outras pessoas pensam de você não é da sua conta.
30. O tempo cura quase tudo. Dê tempo.
31. Independentemente se a situação é boa ou ruim, irá mudar.
32. Não se leve tão a sério. Ninguém mais leva...
33. Acredite em milagres
34. Deus te ama por causa de quem Deus é, não pelo que vc fez ou deixou de fazer.
35. Não faça auditoria de sua vida. Apareça e faça o melhor dela agora.
36. Envelhecer é melhor do que a alternativa: morrer jovem
37. Seus filhos só têm uma infância
38. Tudo o que realmente importa no final é que você amou.
39. Vá para a rua todo dia. Milagres estão esperando em todos os lugares
40. Se todos jogássemos nossos problemas em uma pilha e víssemos os de todo mundo, pegaríamos os nossos de volta.
41. Inveja é perda de tempo. Você já tem tudo o que precisa.
42. O melhor está por vir.
43. Não importa como vc se sinta, levante, se vista e apareça.
44. Produza
45... A vida não vem embrulhada em um laço, mas ainda é um presente.

21 de ago de 2009

...

NÃO TENHO NADA PRA DIZER HOJE...

20 de ago de 2009

SOU E NÃO SOU...

Eu não sou uma imensidão de areia solta ,sou um grão de areia que pensa. Eu não sou o deserto do Saara,nem o deserto do Atacama,que não chove nunca, não adiantando esperar nem rezar pros deuses ,eu chovo, eu molho. Eu não sou o deserto de Gobi,nem de Nairobi.Eu não sou o deserto de Kara Kum, onde a areia é vermelha. Em mim existe cor, a areia é vermelha, marrom ,roxa e verde.

O céu é azul de dia e negro de noite. Eu não sou um deserto e fiz minhas próprias cores. Eu não sou o deserto polar, gelo e desgelo.A neve existe em mim mas a neve não reina em mim ,eu não matei a água,nem tirei tudo que existe. Eu não sou areia,nem um pó,nem resquício do que antes havia, sou uma grande montanha que lutou contra o mal e se formou grão por grão.Sou os ventos fortes que aguentam o percurso. Eu não tenho fim.

Tente olhar para mim, tente ver alguma coisa. Não existe fim, nem longe. Uma visão parada e forte, que não é feia nem bonita. Eu sou o vale da lua.
Existe som, um som constante que eu faço para o tudo que eu fiz.

Eu não sou frio de noite,nem tão frio ao ponto de derrubar o ar. Não sou tão quente de dia,não sou o sol a pino que perturba a terra ,corta,racha e estala. Eu não matei o sol e a noite. O meu sol não desistiu de fazer calor e a minha noite não desistiu de fazer frio e trazer a lua cheia. Eu tenho muito tempo, eu não tive começo.

Eu falei que tenho algumas cores? Tenho, diferentes tons de diferentes cores existentes, vivas. Tons aqueles que as cores tomam quando não desistem de tentar. Quase todo mundo me vê. Eu tenho o movimento da Terra em rotação, e do tempo. O tempo é meu amigo. Eu sou bem parecido com o tempo e o barulho que ele faz nas minhas montanhas de areia e rocha é a música que eu toco , eu as vezes sou um deserto.

Eu tenho o que fazer. Não fiz tudo, tenho tal força que quero ter tudo que respire. Qualquer coisa que tente mudar eu quero ser, ter , ver sentir. Só o tempo, meu amigo consegue,me acompanhar.Sou Devagar,sou bem aos pouquinhos, areia por areia, grão por grão...


Eu mato a morte,a vida habita em mim,sou um tudo e não sei de tudo.Tenho os elementos da escrita que se mexem,como grão de areia em movimentos rápidos e precisos...

As vezes ,eu sou um deserto e não sou...

--
slowdabf ta rimando

19 de ago de 2009

A França é aqui..

“Social em Movimentos – França em Foco”

Ver, confrontar as realidades e debater soluções para os desafios sociais que marcam o Brasil e a França. Mais do que a apresentação de documentários brasileiros e franceses, ampliando o intercâmbio cultural entre os dois países, a mostra Social em Movimentos: França em foco é marcada pela discussão sobre as experiências e a solução de problemas sociais nos dois países. Após cada dia de exibição, o público é convidado a discutir os temas sociais colocados em pauta pelos filmes apresentados, como trabalho, direito à moradia, imigração e justiça.

A abertura da mostra foi no Cinemaison-Teatro Maison de France no dia 17 com a exibição de La zone, au pays des chiffonniers, filme mudo de Georges Lacombe, e L’amour existe, de Maurice Pialat. A programação terá continuação no Centro Cultural Banco do Brasil, a partir do dia 20. Para encerrar, a mostra apresenta A vida moderna, de Raymond Depardon.

Evento oficial do Ano da França no Brasil, a mostra Social em Movimentos: França em foco é resultado de uma parceria da Refinaria Filmes, com a ONG francesa Autres Brésils, o Forum des Images e o Centro Cultural Banco do Brasil. A programação completa, entrevista com diretores e outras informações estão em http://socialemmovimentos.net/


Dia 17 de agosto eu fui na abertura no Cinemaison - Teatro Maison de France – Rio de Janeiro.Foi muito chique , tudo muito bonito e organizado , adorei a festa que rolou no final , com direito a drinks e comidas nunca dantes provadas por esse que vos fala...
Assisti , maravilhado 2 filmes franceses :



La zone, au pays des chiffonniers (A zona, no país dos catadores), de Georges Lacombe – França, 1928, mudo, preto e branco, 28 min



Um apaixonante ensaio sob forma de crítica social sobre o trabalho e o cotidiano dos catadores. A recuperação de lixo e o mercado de pulgas de Clignancourt são particularmente impressionantes e ver um filme mudo é uma sensação muito louuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuca...

E um outro , mais "mudernu" chamado– L’amour existe (O amor existe), de Maurice Pialat – França, 1960, 19 min, preto e branco, livre:


Aubervilliers, Pantin, Courbevoie, Nanterre… Uma viagem pelos subúrbios parisienses no fim dos anos 50. A degradação da paisagem, o fracasso e a devastação provocados pela urbanização, a condição de vida dos trabalhadores e dos imigrantes a dois passos da avenida Champs-Elysées. Um belo filme poético, político e desconhecido do grande diretor francês Maurice Pialat.

A festa continua...


Dia 20 de agosto – Sessão “Imigração”

19h – La traversée (A travessia), de Elisabeth Leuvrey – França, 2006, 55 min, legendas em português, livre

20h – Migrantes, de Beto Novaes, Francisco Alves e Cleisson Vidal – Brasil, 2007, 45 min

20h45 – Debate sobre imigração/migração



Dia 21 de agosto – Sessão “Uma cidade, várias histórias”

19h – 5-7 rue Corbeau, de Thomas Pendzel, co-produção do Forum des Images – França, 2007, 59 min, legendadas em português, livre

20h – Moro na Tiradentes, de Henri Gervaiseau e Claudia Mesquita – Brasil, 2007, 54 min

20h30 – Debate sobre Moradia nos grandes centros urbanos


Dia 22 de agosto – Sessão “Músicas urbanas”


14h – On n’est pas des marques de vélo (Carta fora do baralho), de Jean-Pierre Thorn, co-produção do Forum des Images – França, 2004, 90 min, legendas em português, livre.


O dançarino de break, Ahmed M’Hemdi, mais conhecido pelo apelido de Bouda, passou quatro anos preso. Uma vez paga sua dívida com a sociedade, ele se vê condenado a retornar à Tunísia, de onde ele não conhece nem a língua. Um destino ao mesmo tempo individual e coletivo, sua história resume a trajetória de uma geração de moradores dos subúrbios de Paris, onde nasceu o movimento hip hop no início dos anos 80.

16h – Entre a luz e a sombra (Brasil, 2007, 152 min), de Luciana Burlamaqui


O documentário investiga a violência e a natureza humana a partir da história de uma atriz que dedica sua vida para humanizar o sistema carcerário, da dupla de rap 509-E formada dentro do Carandiru e de um juiz que acredita em um meio de ressocialização mais digno para aqueles que entraram na vida do crime. Durante sete anos, a partir do ano 2000, o documentário acompanha a vida destes personagens. Prêmio do Público de Melhor Documentário do 17º Festival de Cinemas e Culturas da América Latina de Biarritz (França) Outubro 2008. Menção Especial do Júri do 17º Festival de Cinemas e Culturas da América Latina de Biarritz (França) Outubro 2008.



18h30 – Show freestyle com Slow da BF

Vou fazer um improviso colocando na roda os filmes e o público...



Dia 23 de agosto – Sessão “Justiça”

15h – À côté (Do lado), de Stéphane Mercurio, co-produção do Forum des Images – França, 2008, 90 min, legendas em português, livre

16h30 – Encontro com a diretora Stéphane Mercurio

17h – Do lado de fora, de Paula Zanettini e Monica Marques – Brasil, 2005, 54 min

18h – Encontro com a diretora Paula Zanettini


Sessão de encerramento

19h – La vie moderne (FR, 2007, 90 min, cor, legendas em português), de Raymond Depardon

Durante dez anos Raymond Depardon filmou a vida de camponeses das montanhas francesas. Ele nos convida a entrar nestas fazendas de uma maneira extraordinariamente natural. Este filme fala, com uma grande serenidade, das raízes e da situação da população rural. Prêmio Louis Delluc 2008. Festival de Cannes 2008.

18 de ago de 2009

luto...

Lamentável informar mais uma morte prematura de mais um irmão meu de rua...
Assassinado covardemente ,mais um amigo que dividiu o palco comigo , que correu comigo e que hoje não esta mais aqui nesse plano pelo menos...
Meu amigo Rafael Metralha...



luto...

17 de ago de 2009

estranho eu ?

Que segunda -feira mais linda essa de hoje...

O sol ta ventando , o vento está brilhando...

Li na coluna de uma cara que nem lembro o nome ,que ele detestou a ideia de alguns cariocas de aplaudirem o sol , achei de uma falta de visão fenomenal...

Viva Zuenir , que acha como eu , essa ideia boa e legal...
O dia está lindo , e isso é digno de nota sim!!!!

Que dia , hoje não é um dia como nenhum outro. Obviamente! Dah! Cada dia é diferente do outro, não parece lógico? É para isso que existe o calendário. Dah!

O dia está diferente, eu estou diferente, mais sincero, mais seguro de mim, me sentido mais especial, mais independente dos pensamentos alheios sobre minha pessoa. Mas o que está realmente diferente é a minha sinceridade. Ah, isso está diferente mesmo!

Dei fora sem levar nenhum antes,recebi fora e sorri, disse sim, coisas que me vieram na boca. Sim, na boca! Se viesse na cabeça primeiro será que não haveria diferença? Magoei, eu sei que magoei alguém e sei que já passou , sei que fui magoado e me arrependeria se não pedisse desculpas. Fazer o quê? Um dia de cada vez, já pedi desculpas... Só peço,que hoje me perguntem: se a minha roupa é bonita? Se o tempo está bom? Que horas são? Que dia é hoje? Se estou bem?


Me pergunte , diga algo , apenas me entenda e amanhã o sol brilhará de novo.

E alguém tem dúvida de que algo muito estranho está por vir nos próximos anos neste nosso mundo amado e tão destruído por nós mesmos? Eu não tenho dúvida nenhuma. Penso todo dia(que é um texto novo) que preciso me tornar uma pessoa melhor porque isso aqui não vai durar muito não.

Definitivamente eu deveria ter sido professor de história, como sempre sonhei. Pena eu não ter tido muita oportunidade e pena maior eu ter jogado outras fora. Paciência, agora é seguir e quem sabe um dia fazer história só para preencher esse buraco enorme que ficou em mim.


Eu escrevo aqui como nunca antes, pois tenho vontade. Aliás ando com vontade de um monte de coisa, e isso não precisa ser mudado.Como reclamo de tudo, é o que sempre escutei de todos ao meu lado, então resolvi reclamar e tentar mudar para mim e não para os outros, se bem que os outros que se danem né? Se isso aqui é meu (e de meu amore) eu posso reclamar né? Ah, sei lá.

Não sei rir sem vontade, não sirvo pra isso.

Tem dias na semana que piro e saio para dar uma volta, sozinho mesmo. Aos finais de semana tenho saído bastante, eventos de trabalho e amigos.
Sinto um vazio danado às vezes, mas isso deve fazer parte da vida. Queria ser mais conformado com algumas coisas.

Eu vejo as outras que andam por aí e me sinto abençoada por ter a MULHER perto de mim. Eita PRETA BOA que Deus colocou no meu caminho. Claro que não é perfeita, mas eu não tenho nada de perfeito também, pelo contrário, mas ela é minha companheira e isso é o que importa.

Sonhos ruins aparecem, meus pensamentos são cheios deles e eu só peço a Deus que a proteja de tudo que é ruim.


É HJ...MAS DIA 22 CONTINUA...

16 de ago de 2009

NEM FOREST, NEM PINÓQUIO SÃO TÃO ESTRANHOS...

Acordei hoje , depois de uma interminável série de sonhos malucos , que me fizeram dormir e acordar a cada 5 minutos me deixando com uma sensação de serviço não realizado com satisfação...Ai, pra afungentar a cefaléia que se aproximava feito tsunami com menstruação grave , resolvi tomar um café mais forte que o hulk, e ligar a TV, pra dar uma relaxada (?)e parei num filme maravilhoso e mesmo não pegando o começo do começo , deu pra entender (do meu jeito) toda a ardilosa trama:



Andy Garcia estrela ao lado do vencedor do Oscar Richard Dreyfuss esse eletrizante thriller policial do celebrado diretor Sidney Lumet. Sean Casey (Garcia) é um jovem e idealista advogado nomeado pela promotoria de Nova York para o julgamento de um chefão do tráfico de drogas por morte de um policial.(Muito BRASIL né?)
O que ele não sabe é que o caso o impulsiona rumo ao centro da efervescente arena política da cidade e da corrupção do distrito. Esforçando-se para seguir as pistas para onde quer que elas o levem, o jovem promotor enfrenta todo tipo de situação: desde pressões internas dentro da corporação para que tudo fique como está até a influência ameaçadora de políticos da cidade para que ele se venda aos interesses eleitoreiros. Na busca pela verdade(????????????)Sean começa a questionar sua fé na lei, sua lealdade aos entes queridos e o seu lugar em um sistema onde a justiça pode ser o último trunfo....





Nooooooooooooooooooooooooooossssssssssssaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa....




Me inspirei e estou me aprontando pra ir no cinema ver um outro filme e torçendo para ser tão bom ou melhor que esse.







Acho que vou ver esse:




Até por que acabar , melhorar ou mudar a corrupção policial no mundo , é a maior história já contada ...







Nem Forest , nem o Pinoquio , nem o Garotinho , poderiam inventar uma tão mentirosa...

15 de ago de 2009

Estranhos amigos não são amizades estranhas !!!!

Que noite inesquecível , se bem que todas já tem intríssicas uma carga de inesquecibilidade gigantesca , só que essa de ontem foi muuuuuuuuuuuuuuuuito especial para mim , noite que voi me recordar para sempre...
Ontem revi os meus melhores amigos , pelo menos uns dos 5 melhores , de todos os tempos e a felicidade estava lá paradoxal do meu lado ,em 3 direçoes e em stereo e eu acho que tomei posse dessa felicidade tão sensível , que é ter amigos de verdade e compartilhar coisas boas e ruins , de todos os níveis...

Bom , estava lá meu grande amigo Erko , amigo fiel , e 100 % sincero nas suas falas e atos , e foi uma alegria imensa revê-lo , pois não tinha mais contato com esse cara desde que ele se aventurou pelas veredas quentes do lugarejo chamado Cabo Frio , litoral tostante do RJ...

Esse cara é muito cigano e vive pelo mundo trotando e tretando com as injustiças do mundo matrix ,e perdi muito contato com ele quando ele foi parar em Brasólia, capital deste magnifico pais chamado ...é..como é mesmo ??? esqueci ...rs...

E não foi só ver esse cara , ainda consegui ver meu grande amigo Sandrinho , tatuador das antigas e que é talvez a pessoa mail louca e criativa que eu já vi na face desse planetóide , que Umberto Eco que nada !!!
Ele me proporcionou uma das maiores alegrias deste ano que foi andar de triciclo (que tem até nome : marmita)


A carona foi para ir visitar o moto clube "VENENO DA COBRA" que já existe há 10 anos , em Duque de las Caixas , RJ...O Sandrinho é muito crazy mas é um mega amigo que nunca me deixou desamparado e sempre foi fiel e verdadeiro comigo...
O lugar é muito show , e o churrasco mensal idem ...Registrando aqui a presença da banda cover do AC/DC , que detonou rock -n- roll , na cabeça e coração de geral...




De quebra estava lá também meu outro grande amigo Sakoro Dabf ,ilustre tatuador e fazedor de filosofias pacifistas dignas de Ghandi (só que mais doido)...
Uma pessoa extremamente boa e de bons princípios...As vezes , ele não é muito claro no que fala para outras pessoas , mas sempre se faz entender quando se comunica comigo...



Voltei para casa na garupa da marmita , hiper feliz , pensando o quanto as amizades são vitais para a permanência natural de um riso nos lábios, mesmo sendo(ESSES CARAS) para muitos motivos de crítica e preconceito,eu me amarro nesses caras tatuados e tatuadores , cheios de perfurações e buracos gigantes pelo corpo , dreads-locks , e uma tendência punk de ver a vida , mas que por baixo dessa aparência alternativa (para muitos , como disse , dignas de críticas e preconceitos) existem pessoas magnificas , que além de tatuadores , são grafiteiros e skatistas e que amo muito...